marcaminas

 

Turismo

NOVO - Portfólio Boas Práticas Regionais no Turismo 2020

Esta publicação é um compilado de iniciativas que busca contribuir para fortelecer o desenvolvimento do turismo no estado, no âmbito das Instâncias de Governança Regionais (IGRs). Com o

, que segue os passos do relatório publicado em 2019, a ideia é reconhecer, incentivar e dar visibilidade às ações das IGRs, que são importantes agentes e articuladores das políticas públicas de turismo no estado. Além disso, considerando as peculiaridades de cada região,  a proposta é que o portfólio sirva de inspiração para que as Instâncias de Governança como um todo desenvolvam ações inovadoras e sustentáveis nas atividades turísticas. Compõem a publicação 39 iniciativas selecionadas, contemplando um total 13 IGRs. Elas se subdividem em nove catogorias, sendo: Economia, responsabilidade social e segurança sanitária no contexto pandêmico; Empreendedorismo e captação de investimentos; Gestão descentralizada do turismo; Informação Turística; Infraestrutura turística; Pesquisas e Monitoramento; Promoção e apoio à comercialização; Qualificação profissional dos serviços associados ao turismo; e Valorização das culturas locais e saberes tradicionais.

 

Portfólio Boas Práticas no Turismo em Minas Gerais 2019

Contribuir para o fortalecimento do turismo em Minas Gerais por meio da difusão de boas práticas e projetos inovadores aplicados em municípios do estado. Este é o intuito do portfólio Boas Práticas no Turismo em Minas Gerais 2019, produzido pela Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Secult). Fruto de uma compilação de dados coletados a partir do Censo do Turismo Mineiro, pesquisa aplicada simultaneamente à atualização do Mapa do Turismo Brasileiro em meados de 2019, o documento reúne ações e práticas turísticas com características diversas e que têm estimulado a cadeia turística em vários municípios e regiões do estado. A validação das atividades ficou a cargo das Câmaras Temáticas do Conselho Estadual do Turismo. O documento reúne algumas das boas práticas relativas a gestão, empreendedorismo e serviços que estão transformando a cadeira do turismo no estado. O portfólio traz exemplos de ações inovadoras, como a implementação de novas técnicas, metodologias e atividades, além de reforçar as ações que já são realizadas pelos municípios, considerando sempre o potencial turístico de cada região. Ao todo, são 36 iniciativas municipais e quatro exemplos de sucesso baseados no programa Minas Recebe, coordenado pela Secult.